sexta-feira, 31 de maio de 2013

Warner Bros Studio Tour - The Making of Harry Potter in the Animal Actors Week - Eu fui!

Dedico esse post à todos os fãs de Harry Potter, em especial, aos amigos do "Quedrava".

Basta me conhecer um pouquinho pra saber que eu sou fã nº 1 de Harry Potter, inclusive não posso negar que minha escolha de intercâmbio na Inglaterra não teve pelo menos um mínimo de influência na hora de escolher o país. Enfim, estava mais que na cara que eu não deixaria de visitar todas as coisas possíveis relacionadas à Harry Potter por aqui, inclusive, vocês lembram que já fui na King's Cross :3 traduzindo cruz do REIron. Assim que eu cheguei por aqui deslumbrei e fiquei adiando a ida ao Studio Tour, e meio que deixei de lado por um tempo, até que vi na página do facebook do Studio Tour que haveria uma #animalactors week. Fui ler e me surpreendi ao saber que praticamente todos os animais usados na série de filmes estaria lá nessa semana. Claro que eu não deixaria de ir nessa situação, e mais de um mês atrás comprei meu ingresso, e com ele minha fantasia nostálgica voltou a rondar constantemente minha cabeça. Eu fui ontem e estou aqui pra partilhar essa experiência imperdível com vocês.

O The Making of Harry Potter fica na cidade de Leavesden e foi lá que por 10 anos a saga Harry Potter foi filmada. Nessa brincadeira de montar e desmontar set, eles acabaram preservando tudo dos filmes. Isso é um dos avisos que nos é dado, tudo é original, nada é réplica. Mesmo as mínimas coisas foram usadas nos filmes e eles praticamente suplicam pra ninguém mexer em nada porque caso haja algum dano simplesmente não há como repor.

Pra você que deseja ir até lá pegue um trem até a estação Watford Junction, e assim que você sair de lá, na parada de ônibus em frente à estação passará um ônibus, um tanto quanto inconfundível - foto abaixo - que te levará até o Studio Tour. Custam 2 pounds a passagem de ônibus para ida e volta. Peça um 'return' ao motorista. Não tem como comprar ticket na hora. Pra garantir seu ingresso, você tem que ir ao site (aqui). Escolhe dia e hora que você deseja ir. Custa 29 pounds.


A ida de Coventry foi um tanto quanto angustiante porque eu simplesmente não via a hora de chegar logo lá. Deu tudo certo, e por sorte, assim que saímos da estação já tinha um ônibus lá nos esperando. Pouco menos de 15 minutos e já tínhamos chegado no nosso destino. É obrigatório levar o ticket online que chega no email para com ele pegar seu ticket e poder entrar na atração. Estava um dia até tranquilo, e em umas máquinas eletrônicas pegamos nossos tickets.


O hall de entrada já é majestoso, com o Ford Anglia pendurado no teto e um globo presente na Torre de Astronomia.



Por termos chegado mais cedo, o que foi recomendado, só permitiram que entrássemos na fila 15 minutos antes do nosso horário, que era 15:00. Enquanto isso fomos logo espiar a loja/shop e começar a contar os centavos da bolsa pra gastar D: A loja é um pouco cara sim. Chaveiros, por exemplo, o mais barato custa 5 pounds, e ainda sim é um do chapéu seletor bem mais ou menos. Já fui adiantando mais ou menos o que eu queria pra saber onde procurar na hora que sair, porque estava adivinhando que sairia destruído de cansado. Deu 15 pras 3 e eu já fui em direção a fila. Estava grande mais vai andando rápido e já já eu explico o porquê. Ainda na fila, já temos uma pequena amostra do que vem pela frente.  



Finalmente a fila andou, e chegou nossa vez de finalmente adentrar naquela aventura misteriosa.

ALERTA DE SPOILERS.: Algumas surpresas são guardadas para o local, ao ler o post abaixo você está ciente que 'secrets will be revealed' (Segredos serão revelados). Se você não quiser perder a surpresa principal, pule até o próximo anúncio em verde. 

Antes vamos entrar no clima:


Passando pela primeira porta, nos vimos numa sala escura com 4 telas retangulares de cada lado. Assim que um número x de pessoas entra, uma guia começa a explicar porque estamos ali e contar algumas coisas. Por exemplo, 5000 pessoas em média passam por dia lá, e pediu para ninguém tocar em nada, nem deitar em nada (?). Ela falou que acontece de pessoas se deitarem nos sets '-' Enfim, e que tínhamos escolhido a MELHOR semana pra ir visitar porque todos os animais estavam lá. No fim das contas ela passa um vídeo interessantíssimo de como Harry Potter chegou a fama. O produtor do primeiro filme conta que tinha como passatempo ir a Londres nos fim de semana para conseguir livros para 'descobrir' e acabou levando esse tal de Harry Potter pra sua empresa. Lá uma das funcionárias levou o livro pra casa e ficou excitadíssima com ela. Ela mesmo diz que seu chefe nunca a havia visto tão empolgada com algo. Foi então a vez do seu chef fazer o mesmo. Ele também não largou o livro até acabar de lê-lo as 4:30 da manhã. Não deu outra, e a promoção de Harry Potter saiu na certa. 

Em seguida, passamos para uma sala de cinema, para assistir um mix dos 8 filmes de Harry Potter, principalmente as cenas mais marcantes de toda a saga. Ao fim disso, aparece o trio principal de atores, Emma Watson, Daniel Radcliff e Rupert Grint nos convidam a entrar e Hogwarts para desfrutar da aventura maravilhosa e tal. A imagem congela na porte por alguns segundos, e foi quando eu associei tudo. Entramos na sala de cinema mas simplesmente não tinha 'saída', quando de repente a tela de cinema sobe e por trás dela está a entrada para Hogwarts. Todo mundo tipo O: O: O: como assim? Depois desse choque inicial, todo mundo se levante e segue em direção a porta, óbvio. 


Daqui você lê desde o começo do tour sem ler a surpresa principal

O cara que estava lá de guia chamou uma das meninas que estava fazendo aniversário e à convidou para abrir os portões de Hogwarts. Olha o prestígio. Outro 'wow' foi claramente ouvido até nos depararmos com o Salão Comunal.



Se começar a vender esse cereal, todo mundo compra!
O salão comunal tem um piso de pedra, ou seja, desde a pedra filosofal que tudo acontecia ali :3 O guia foi falando as coisas lá pra entreter as crianças e eu não perdi meu tempo em ir tirando fotos. A única coisa do salão comunal que não estava lá era o 'céu' óbviamente que era obitdo por efeitos gráficos - as velas flutuantes também não. Mas todo o resto estava lá. Eu fui logo tirar foto das coisas da minha casa #RavenPride 

Expresso Londres passou e ficou por lá!
Em cada mini-espaço guardado para as casas, havia o brasão e alguns figurinos de personagens. O que eu nunca tinha notado por exemplo era uma lareira imensa com o brasão de hogwarts e os brasões individuais de cada casa. Virou cover no facebook.


Outra curiosidade que ouvi é que a Dama Cinzenta - pra quem leu os livros sabe que é a filha de Rowena Ravenclaw - é a aluna mais velha de Hogwarts. Eu nunca parei pra pensar nisso mas faz muito sentido. Olha a roupa dela aqui. Inclusive ela continua vestida como aluna, notem pelo brasão do lado direito.


Os professores estão todos lá frente, aqui vão alguns dos que tirei foto.








A próxima sala conta um poucos dos produtores e equipe técnica, e aos poucos vão aparecendo os sets conhecidíssimos aos olhos dos fãs no Salão Principal.












Pra quem não lembra..



E aqui começam as aparições dos animais. O primeiro que apareceu foi o Perebas - Scabbers - no salão comunal da grifinória, motivo pelo qual não tirei foto. Concentrei nos animais e esqueci do resto. Sabe quem estava lá também? Trevo - Trevor, o sapo do neville, claramente sem 1/10 da popularidade que o Perebas estava fazendo.






Em seguida vamos chegando ao escritório do Dumbledore.

Diga acidinhas :x






Logo em frente tinha a Taça do Torneiro Tribruxo.


Nesse ponto eu já tinha avistado o Bichento - Crookshanks. O gato estava muito tranquilo lá de boa, sem querer posar pra nossas fotos. Foi quando reconheci a treinadora Julie Tottman da campanha de vídeos do youtube, porque é ela que treina os animais. Comecei a puxar um papo com ela, perguntando se ela era a pessoa dos vídeos, e ela confirmou, perguntando se eu tinha assistido, se eu já tinha visto os gatinhos que estava lá. Rapidamente ela se levantou - você pode notar que na primeira foto do gato ela estava sentada - e começou a explicar diretamente para mim tudo numa demonstração com o Bichento. Tirou a comida do gato e botou ele pra posar para a minha câmera. Me diga o que eu queria mais da vida? E foi me explicando e perguntando se eu lembrava que eles paravam naquele pedacinho de madeira que eles poem a patinha e colocando comida na minha direção pra o gato olhar pro foco da minha câmera. Agradeci céus e terras a ela, e parti eufórico - realmente eufórico - pro resto do tour.






Que tal um pulinho na câmara secreta, ou melhor, uma caidinha!



Baú que o Olho Tonto Moody ficava preso.


Alguém reconhece essa singela cabana?


Agora porque não uma aula no clube de duelo? Entrei na fila, peguei a varinha e estuporei lá que só lembrei o Malfoy querendo ser Daiane dos Santos dando 1000 piruetas.







Próximo set era o Chalé das Conchas, com detalhe para os objetos que se mechiam. Na foto abaixo, por exemplo, a faca e o ferro - ao fundo à esquerda - se mexem assim que os visitantes passam a mãos em superfícies.

Também tem uma versão do famoso relógio dos Weasleys onde os ponteiros são tesouras. Sensacional.



O jeito é dar uma sumidinha você, o jeito é dar uma sumida com você se você quer. Desculpa gente, desculpa, não resisti!


Agora vamos pra galera do malz. Pequei e não tirei uma foto de todos juntos, me desculpem, mas à essa altura do tour eu já não pensava mais D:




Releitura da triste, porém agora descoberta, apaixonante escultura do Ministério da Magia nos tempos dark do mundo bruxo.


Eita que chegamos na área mais odiada, o escritório da Umbridge. Ignoramos o ódio e apreciamos a perfeição de tudo lá.




Polêmica no mundo bruxo! Cá entre nós, todo mundo já chamava a Umbridge de safada, mas não nesse sentido aqui debaixo. Olha de onde veio a inspiração de 50 tons de cinza!!!! Rita Skeeter não foi mais rápido do que eu. ;)


"A mui antiga e nobre casa dos black."


Faltou só um pó de flu e tava tudo certo :(


E lá vou eu de volta ao campo principal dos animais, porque tinha chegado a coruja do Sirius. Pra quem não lembra, a coruja é preta, e originalmente a coruja que estava lá não era, e o treinador estava explicando que trouxeram uma tinta do japão pra tingir ela. Eu fiquei impressionado com a beleza e o tamanho daquele bicho. Com uma presença inigualável, as corujas tomavam a atenção de todos que passavam e porque não a minha também.














E cada vez mais detalhes apareciam...







Aqui vão umas fotos mais gerais do lugar pra tirar o foco restrito das atrações e vocês terem uma visão mais ampla do local.






Eu nunca tinha parado pra pensar nisso, mas não existe 'uma Edwiges' ou 'um Bichento'. Na verdade há sempre mais de um animal, porque a disponibilidade deles nem sempre é favorável e eles precisam de substitutos. E também pela idade dos animais que sofrem algumas mudanças sem permanecer idênticos ao estereótipo.






E agora já no Terraço Externo, a Escultura perfeita do cemitério em Harry Potter e o Cálice de Fogo.


Olha eu no Anglia *-*


E chegamos na Butterbear. Olha, vou te dizer que no comecinho tava gostoso e no final era só engolir. A camada inicial de baunilha é ótima, mas depois de passa disso, não é muito bom não. Mas você só adquire sua opinião se provar :3


Noitibus. Um dos meus 'objetos' prediletos da série *-* Um double decker é o símbolo desse blog inclusive, então sem mais delongas, as fotos fantásticas.




Ponte de Hogwarts versão Terremoto.




Edwiges, A antissocial. Foi assim que nomeei ela. Edwiges meu sonho de verão, minha ídola absoluta não me deu nem carta, ops, bola. Devia ser o frio também, coitada. Parecendo um ovinho :3



Pausa rápida pra olhada nas peças do Xadrez Bruxo Gigante.


E agora chegamos em outra parte muito emocionante que é a Fábrica Plástica, onde a perfeição chega no level ninja. Além que todos os animais fictícios também estão presentes.


























Olha a importância do Engenheiro Elétrico aqui na concepção de Harry Potter. Vejam bem...




E quando você acha que não tem como melhorar, melhora. Chegamos ao Beco Diagonal.










No Empório Coruja não podia faltam o que? Corujas!!!!!!!!!!! Foi lá que encontrei a minha coruja que é a das sobrancelhas altas.







Em seguida chegamos na Concepção Artística e acho que todo o pessoal da Indústria criativa adora essa parte, porque tem todos os rabiscos e em seguidas releituras através de fotos e pinturas de toda a série.










Créditos ao artista!


Destaque para o arquiteto de Hogwarts o/


Qual a parada final antes do fim? Hogwarts tamanho família.






A última parada é mesmo é numa sala de varinhas um senhor que é expert nelas. Basta você dizer o nome e ele te aponta onde está. Tá vendo essa que eu estou segurando? Se você der um zoom vai ver 'Reiron Lopes'. ;)

Só não podia deixar de postar minha mais orgulhosa aquisição na loja. Meu futuro álbum de fim de viagem.



Pensamentos Finais


Eu não tenho palavras o suficiente pra explicar como foi a sensação de estar lá. A gente de fato estava dentro da história, você era quase parte daquilo. Eu era parte daquilo. Os detalhes eram sem dúvida o que tem davam a sensação do irreal ser real. Eu via tudo por trás das câmeras, como funcionava, mas mesmo assim a fantasia continua intacta. Como é possível? Não sei. Os livros acabaram, os filmes acabaram, mas a saga continua. Embora eu seja do time "JK escreve só mais um!". Essa será uma história quase eterna, e que se depender dos fãs de hoje, que passarão pros seus filhos e netos, não resta um pingo de dúvida. Não tenho nenhum defeito pra contar, não me arrependi de forma nenhuma - a não ser de ter tirado mais fotos - e com a equipe de apóio todos simpáticos e prestativos. A loja eu faço no post seguinte porque acreditem ou não foram 7 horas pra montar esse post aqui.

Quem tem um sonho persiga. Eu cheguei aqui mesmo sem acreditar muito, mas nunca faltou vontade. Torço por cada um que deseja vir. O reflexo do espelho de ojesed nunca foi tão verdadeiro.

- Então -[disse] Dumbledore, escorregando da cadeira até o chão para se sentar ao lado de Harry - você, como centenas antes de você, descobriu os prazeres do Espelho de Ojesed [...] Deixe-me explicar [o que faz o Espelho]. O homem mais feliz do mundo poderia usar o Espelho de Ojesed como um espelho normal, ou seja, ele olharia e se veria exatamente como é, [...] ele mostra-nos nada mais nem menos do que o desejo mais íntimo, mais desesperado de nossos corações [...]

E o que o espelho me mostrou? Meu próprio reflexo. Naquele momento, eu era o homem mais feliz do mundo. 


Obs.: Agradecimentos à Fernanda da página Indiretas Literárias que fez essa linda tag para as minhas fotos.

Gostou da postagem? Curta o ExpressoLondres no facebook aqui.

5 comentários:

  1. Poxa, muito legal seu post. Muitas fotos!!
    Eu fui em dezembro de 2012 com mais 3 amigas e foi uma experiência maravilhosa.
    Acredita que compramos o ingresso com meses de antecedência e não conseguimos chegar lá na hora marcada? Como sabíamos que não ia dar tempo, voltamos pro hotel e usamos a habilidade que todo brasileiro tem desde sempre: o jeitinho!! hahaha
    Ligamos pra lá e explicamos a situação e o cara, super atencioso, remarcou nossos ingressos para o dia seguinte.
    Uma das melhores experiências da nossa viagem pra Londres. Valeu cada pound!! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Larissa. Que bom que gostou do post. De fato, se tiver outra semana especial como essa a chance de querer voltar é grande, até porque você sempre fica com um remorso se não ter tirado foto daquilo ou não ter lido isso. Enfim, vale muito a pena mesmo. Abraço.

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Pretendo ir no final do ano,tenho muitas duvidas..Poderia me ajudar?

    ResponderExcluir
  4. Oi, estou indo e gostaria de saber de quanto tempo é o tour, amei suas fotos ! Parabéns

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...