sábado, 16 de fevereiro de 2013

Kasbah

Na sexta, ocorreu o primeiro encontro da Portuguese Speakers Society (Sociedade dos falantes do português - a tradução ficou estranha). Ao chegarmos em Coventry, descobrimos que na universidade existia uma sociedade específica para as pessoas que falam português, e claro, ela acolheu todo o grupo brasileiro, até porque é administrada por um. Fomos a esse bar no The Hub. Calma, deixa eu falar o que é o The Hub. É um prédio, fenomenal, para os estudantes. Você só entra se tiver o cartão, aquele que fiz no primeiro dia da universidade, e com ele você literalmente abre portas. É muito legal.


The Hub, o prédio da esquerda. No fundo, a catedral de Coventry.

Vista do terceiro andar do prédio The Hub.


Nest (ninho)

Então, você viram que o prédio é bem moderno, e as instalações são bem aconchegantes, com destaque para os nests. Não há nada como deixar num destes para um descanso de algumas horas minutos entre as aulas. As aulas ocorrem em outro prédio nas redondezas deste. O The Hub ainda abriga uma praça de alimentação, lojas de conveniência, o café Costa e um bar chamado Square One, que foi justamente onde aconteceu a reunião da sociedade. Por último, mas não menos importante, uma sala que de dia é cinema e à noite é boate.

Pós encontro da sociedade, acabamos indo para uma nova boate em Coventry, chamada Kasbah. Pouco tinha ouvido sobre essa boate. Quando chegamos lá na frente, havia muita gente, bem diferente da outra que eu tinha ido, mas tinha muita gente fantasiada. Toda sexta, quem vai fantasiado, não paga a entrada '-' É pessoal, tem gente que se presta a essas coisas (se eu soubesse, tinha ido fantasiado também) Primeira fantasia que vejo é coelhinha, depois tem uns caras fantasiados de gregos (túnica, louros na cabeça...) Acho que deu pra imaginar já. A questão é como essas criaturas chegaram lá sem uma hipotermia. 

Já dentro da boate, a fila para o cloakroom(sala onde guardam-se os casacos) já deu pra notar a vibe. Por coincidência ou não, estávamos na noite da Kinky Party, com anúncios dizendo que se você comprasse tal bebida teria chance de ganhar, digamos, brinquedinhos. A boate basicamente tinha duas partes, em uma, um ambiente mais calmo, pelo qual só entrei porque subimos pro lado errado, e o outro, o geral da mundiça, vulgo nós. Diferentemente do Carey's, tocou muita música boa e conhecida de ritmos bem ecléticos. Pra todo lado que a gente olhava tinha gente fantasiado de alguma coisa engraçado. Haviam uns 6 smurfs, todos com o rosto pintado de azul, com o gorrinho branco e tudo. Tinha todo tipo de coisa.

Tudo rolava bem, até que a boate começou a encher muito, muito mesmo. Subi para o primeiro andar, que são como que varandas, com mesas e um sofá acolchoado em volta. Era bem mais tranquilo lá em cima, então ficamos um bom tempo lá. Começou a fazer muito calor, porque eu estava com as roupas de frio, e o esquema pra sair a noite, é sair com roupa normal e passar frio na rua, senão você vai passar calor dentro da boate. Acabamos descendo, porque embaixo obviamente fica mais frio, foi quando o maldito DJ decidiu tocar música indiana. Não me entendam mal, não tenho nada contra esse tipo de música, apenas que quando eles dançam, eles levantam um braço e fica um vudum insuportável, fora isso, nada contra.

Como se já não fosse o bastante o fedor mais o aperto de uma multidão, começaram a jogar algo líquido(?) pra cima. O primeiro foi só aquele respingo d'água sobre nós, mas depois jogaram um copo completo, que felizmente não caiu em mim, mais infelizmente na pessoa que estava ao meu lado. Isso foi a gota d'água. Era hora de ir embora. 

Esqueci de citar que haviam duas dançarinas que ficavam uma de cada lado da mesa do DJ. A princípio, elas passavam despercebidas, porque ninguém fica olhando pra cima, mas depois que você nota, fica difícil de tirar os olhos. Gravei um vídeo dela dançando. Meninas, aprendam.


E o outro vídeo aqui abaixo, é o DJ interagindo com os Cov Students, Cov = Pessoal de Coventry.


Obs.: Esqueci de dizer que tocou UMA música brasileira, levemente reconhecível só que não.


Gostou da postagem? Compartilhe através das redes sociais disponíveis nos botões logo abaixo.

Um comentário:

  1. Gostei dessa balada, ashuhuasuhas. Ir pra balada fantasiado é o que há :p
    Essa sua morada aí no Reino Unido vai ser inesquecível.
    Ah, gostei no novo layout do blog :)
    Bjs!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...